Artigo Prisma Planck E


Matéria e Antimatéria


Local: São Paulo, Brasil
Data publicação: 2023-03-13
Date modificação: 2023-03-13
Tempo de leitura: 00:01:03
Matria e Antimatria

"Colha uma flor na Terra e você moverá a estrela mais distante.”

Paul A.M. Dirac

 

Aos 25 anos, Paul Dirac propôs sua versão da mecânica quântica.  Aos 30, ganhou o Nobel, por seu trabalho.

A elegantérrima perspectiva de Dirac abarca aspectos da Teoria Restrita da Relatividade de Einstein e se isso não fosse o bastante, surpreendeu a Academia, ao apresentar-nos a antimatéria; proposta confirmada por Carl David Anderson em 1932 e que lhe valeu o Nobel, em 1936.

A equação de Dirac não tem uma, mas duas respostas.  A esperada, define o elétron, enquanto a outra, rascunha algo que lhe é semelhante mas que, dentre outras pequenas disparidades, apresenta uma chocante carga positiva.

Como sempre acontece com gênios bem resolvidos, Dirac lutou para aceitar essa possibilidade, considerando que simplesmente havia detectado um próton.  No entanto, logo ficou claro para ele a diferença enorme de massa da partícula detectada (igual aquela do elétron) e a massa de prótons, muito superiores.

Mesmerizado, Dirac depara-se con um antielétron.  Nesta fase, ainda estamos teorizando.  Como esta antipartícula está inserida no contexto que une a mecânica quântica à TER, Dirac dá-se conta da enormidade de sua descoberta: uma contraparte da realidade, onde cada partícula tem sua versão antimaterial.

O que eleva ainda mais o nível de perplexidade, é que a tão esperada simetria, proposta pelos físicos realistas, impediria nossa existência: se houvesse a mesma quantidade de matéria e antimatéria no Universo, a colisão destas implicaria em seus desaparecimentos, convertidas em raios gama.

Para terminar,dois esclarecimentos.  Carl Anderson batizou a antipartícula teorizada por Dirac de pósitron e até hoje, um dos maiores mistérios da Física é a assimetria que nos dá existência, entre matéria e antimatéria.


Livros Planck E


Palavras Chave

  • mecânica quântica
  • Paul Dirac
  • Teoria Restrita da Relatividade
  • antielétron
  • Carl David Anderson

Para maiores informações sobre Prisma Planck E, entre em contato.


Divulgando soluções geniais

A missão do Prisma Planck E é promover ideias, produtos e teorias que ainda não chegaram ao mainstream, conforme capturado em nosso primeiro comunicado Excêntricos e suas Soluções Geniais.



Boletim Prisma

Inscreva-se para receber o nosso Boletim Prisma Planck E, completo com as mais recentes soluções geniais. Clique aqui para o formulário.



Compartilhe a sua solução genial no Prisma Planck E

Incentivamos você a enviar sua solução genial, artigo, comunicado à imprensa ou ideia técnica "fora do mainstream" para publicação no Prisma Planck E. Envie-nos um e-mail para prisma@planck-e.com e pergunte como.


Para saber mais sobre engenharia holística, soluções inspiradas na natureza, monetização de deseconomias, petróleo e gás, treinamentos ou incorporação do Being Data ao seu dia-a-dia, siga-nos nas redes sociais.